Conheça a String-Box e todas as suas vantagens!

Conheça a String-Box e todas as suas vantagens!

Conheça a String-Box e todas as suas vantagens!

A produção de energia elétrica já é uma realidade para as residências brasileiras graças a popularização da energia solar. Isso muito se deve à segurança oferecida pelo sistema fotovoltaico. Essa segurança depende do funcionamento adequado dos equipamentos, como a String-Box.

Esse é um componente crucial para a proteção do sistema e para a sua segurança. Por isso, vamos abordar neste post as características, funções e a importância da String-Box para o seu projeto de captação solar. Boa leitura!

O que é a String-Box e quais as suas funções?

Na produção de energia solar, os painéis transformam a luz do sol em eletricidade e em corrente contínua (CC), que precisa ser convertida para corrente alternada. Esta, por sua vez, é a forma de energia necessária para o funcionamento da maioria das aplicações elétricas. O responsável por essa conversão é o inversor solar.

Instalado entre ele e os módulos, está um tipo de quadro elétrico chamado de String Box. A String Box recebe esse nome por estar conectada a uma série de módulos fotovoltaicos interligados, que popularmente ficou conhecida como string. Outro item importante é o quadro de junção, uma vez que ele faz a junção entre partes diferentes do sistema.

Esse equipamento faz a proteção do inversor em caso de surtos ou curtos elétricos. Ele aloja os fusíveis, o disjuntor e o Dispositivo de Proteção contra Surto (DPS). Todos esses componentes são preparados para trabalhar em corrente contínua e obedecem a diretrizes internacionais.

Como é o seu funcionamento?

Dos módulos fotovoltaicos saem os cabos polarizados que entram na caixa. Em seguida, esses fios percorrem os componentes de proteção em corrente contínua. Em primeiro lugar passam pelo disjuntor, em seguida pelos fusíveis e, por fim, chegam ao DPS que é instalado em paralelo para evitar a propagação de eventuais surtos elétricos. Só então a alimentação sai da String-Box para o inversor fotovoltaico.

O DPS, como sugere o nome, protege o sistema quando surge um surto elétrico. O surto nada mais é do que uma sobretensão que pode ser causada por anomalias elétricas ou por descargas atmosféricas. A carga da sobretensão é então drenada para o aterramento do sistema, impedindo a danificação do inversor e dos módulos.

O disjuntor detecta os picos de corrente nociva para o sistema e interrompe a transmissão para os outros componentes. Eles podem sem rearmados manualmente, funcionando normalmente após a interrupção da corrente. Durante a ocorrência de curto-circuito, os fusíveis se rompem para acabar com o curto e garantir a segurança.

Quais os cuidados necessários na instalação?

Para garantir a segurança do sistema, da edificação e das pessoas que moram ou trabalham no local, é preciso ter cuidado com alguns aspectos da instalação da String Box. Os principais cuidados estão relacionados ao DPS, a conexão dos cabos e ao grau de proteção do equipamento. Ela deve também ser instalada próxima ao inversor.

Normas para os dispositivos de proteção contra surto em corrente contínua

Os dispositivos de proteção contra surto para corrente contínua ou corrente alternada obedecem a norma NBR IEC 61643. Em funcionamento normal, o DPS trabalha dando passagem para a terra no momento do surto. Dessa forma, ele fecha o circuito anteriormente aberto, formando o chamado curto-circuito. Cessada essa sobretensão, ele retorna ao estado isolante (circuito aberto).

No entanto, ao fim de sua vida útil, o dispositivo de proteção contra surtos fica incapacitado de voltar ao estado isolante e arranjos fotovoltaicos têm a característica de apresentar uma corrente de curto-circuito muito baixa.

Essa corrente pode não ser suficiente para ativar o funcionamento do disjuntor ou dos fusíveis e isso poderia começar um incêndio na parte elétrica. De fato, foram registrados na Europa diversos desses casos associados a DPS regidos pela IEC 61643 em sistemas de energia solar.

Por isso, os dispositivos de proteção contra surto fotovoltaicos são fabricados atualmente seguindo a norma europeia EN 50539, publicada em 2011 e voltada especificamente para corrente contínua em sistemas fotovoltaicos. Essa norma prevê, entre outros, que o DPS seja desconectado ao fim de sua vida útil, quando há o risco de falha.

Outra recomendação é de que os dispositivos de proteção contra surtos fotovoltaicos sejam conectados em uma configuração de formato Y. Dessa forma, a tensão é dividida igualmente por dois varistores ligados em série.

Cabos de energia

Outro cuidado importante relaciona-se à conexão dos cabos. Se ela for mal feita, pode causar aquecimento e mau contato. Além disso, é preciso estar atento para a polaridade dos cabos. Sugere-se diferenciá-los de alguma forma para que não exista a chance de erros ao conectar o cabo de energia positivo e o negativo.

Grau de proteção

Para que a caixa de junção resista à ação do tempo, é necessário que seu grau de proteção mínimo seja IP65. O código IP significa “ingress protection” — que em tradução livre é proteção de entrada —, ou seja, proteção contra a entrada de agentes externos. A classificação 65 demonstra que o aparelho está protegido contra entrada de poeira e jatos d’água.

modelo da Ecosolys apresenta grau de proteção mínimo IP66. Isso implica que jatos de água com pressão maior não conseguirão entrar no invólucro em quantidades prejudiciais.

Quais as suas principais vantagens?

Com a instalação adequada, a String Box proporciona o isolamento e a proteção de toda a parte em corrente contínua do sistema fotovoltaico, garantindo, assim, a preservação dos painéis solares e do inversor de frequência, já que as falhas elétricas não se propagam.

A ecoString-Box é um equipamento inteligente e de última geração que contribui para a segurança do seu sistema. Além disso, ao adquirir esse produto você tem doze meses de garantia.

Após essa leitura você já conhece mais sobre a importância da String-Box. Em suma, ela é necessária para preservar o inversor solar e tem dispositivos que são próprios para aguentar a corrente contínua. Sem esse equipamento, seu sistema poderá ficar exposto ao risco de incêndio causado por falhas elétricas!

Se você quiser conhecer os produtos e serviços que oferecemos, entre em contato conosco! Nós da Ecosolys estamos prontos para tirar as suas dúvidas e mal podemos esperar para conversar com você!